Gêneros Literários 1

35 comments
Gêneros Literários
   Gênero literário é o termo usado para classificar o agrupamento de obras cujas características são semelhantes. Estas obras partem de uma classificação padrão (os gêneros) e se subdividem (os subgêneros).
   Toda obra parte de uma classificação padrão, mas uma mesma obra pode ser classificada em mais que um subgnênero.

Por Exemplo:

   O livro “O senhor dos Anéis – J.R.R. Tolkien” é um romance épico que pode ser classificado também como literatura fantástica, Y.A, entre outros subgêneros 
   O livros “Fragmentados – Neal Shusterman” é um romance que pode ser classificado como distopia, suspense, entre outros subgêneros.

Ps: A classificação padrão (os gêneros) estarão de azul para melhor compreensão e as subdivisões (os subgêneros) de laranja.
 
Classificação Padrão (Os gêneros)
  1. Lírico
  2. Narrativo (épico)
  3. Dramático 
1. Gênero Lírico: 

   Gênero cujo autor (poeta) expressa seus mais íntimos sentimentos. Tem por característica uma estrutura poética e é predominante o uso de verbos e pronomes na 1ª pessoa o “eu lírico” (emoções e sensações do universo interior do autor). Essa manifestação é feita através do ritmo, de uma forma melódica de expressar os versos. Em sua divisão estão:
  1. Poesia
  2.  Ode
  3. Sátira
  4. Hino
  5. Soneto
  6. Haicai
  7. Acróstico
Exemplo de um poema (poesia):
POEMINHA DO CONTRA
“ Todos estes que aí estão
Atravancando o meu caminho,
Eles passarão.
Eu passarinho!”
Mário Quintana
2. Gênero Narrativo (épico):
   Gênero onde há a presença de um narrador. Este narrador fica com a responsabilidade de expor ao leitor cenas reais ou fictícias dentro de um determinado espaço e tempo. Dentre eles:
  1. Romance
  2. Fábula
  3. Novela
  4. Conto
  5. Crônica
  6. Ensaio
  7. Poesia Épica ou Epopeia
   Antes de mostrar as subdivisões (os subgêneros) do gênero narrativo é preciso a compreensão do que é Romance:


   Romance é uma narrativa de estrutura complexa que não é necessariamente romântica (nem sempre tem uma história de amor). Essa estrutura ganhou esse nome a partir do romantismo e apesar de surgir antes do realismo, há histórias consideradas romanceadas que são verdadeiras críticas à sociedade. Sua estrutura acomoda muitos núcleos e estes núcleos vão desenvolvendo suas próprias tramas que se ligam no final, como uma novela.

   Subdivisões do romance: romance de aprendizagem; romance policial; romance psicológico; romances históricos; romances épicos, entre outros.

   Com o passar do tempo, surgiram outras formas mais específicas de classificar a literatura, os subgêneros narrativos:



3. Gêneros dramáticos
   Este gênero são textos que tem como estrutura um formato de roteiro, são montagens teatrais para serem encenadas em uma peça. É um gênero difícil de se distinguir pelo fato de muitas produções literárias serem adaptadas, hoje em dia, para roteiros teatrais. Dentre elas:
  1. Auto
  2. Comédia
  3. Tragédia
  4. Tragicomédia
  5. Farsa.

Referências:
“Gêneros Literários” ; Brasil Escola. Disponível em: <http://www.brasilescola.com/literatura/generos-literarios.htm&gt;. Acesso em 01 de novembro de 2015.

Espero que curtam!
Deixe um comentário sobre o que achou .
Beijão,
Juliana.
Próximo Postagem mais recente Post AnteriorPostagem mais antiga
Página inicial

35 comentários:

  1. Nossa, esse é um tema mais amplo do que eu imaginava. Gostei, vou add o post aos meus favoritos, pra futuras consultas!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Suelen!
      Fico a disposição para qualquer dúvida, se eu puder ajudar :)
      Abraços

      Excluir
  2. Oi Juliana sua linda, tudo bem?
    É uma loucura, a cada dia surgem mais subgêneros narrativos, às vezes fica difícil até enxergar a distinção, pois como você disse, uma obra pode pertencer simultaneamente a mais de um subgênero. Sua postagem ficou ótima, traga mais!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Obrigada Cila!
    Realmente é uma gama de novos subgêneros a cada ano.
    Semana que vem sai o post número 2 rs
    Super Beijo :)

    ResponderExcluir
  4. Que interessante!
    Eu nunca parei pra observar sobre isso e nem imaginava que existissem tantos subgêneros assim.
    Adorei o post!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Jessica!
      Por isso a confusão quando lemos um livro e identificamos vários gêneros (subgêneros) nele rs.

      Obrigada pela visita :)
      Beijos

      Excluir
  5. Oi Juliana! Amei o post, muito bem explicativo! parabéns!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Gostei do post Juliana. Foi bem explicativo, além de ter exemplos bacana sobre os gêneros literários. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Vanessa!
      Quarta-feira agora tem a parte 2
      Super Beijo

      Excluir
  7. Oi Juliana, tudo bem?
    Gostei muito do seu post. Toda informação sobre literatura e seus gêneros é sempre muito importante para os amantes da leitura. Deu até para tirar algumas dúvidas.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Lia :)
      Fico feliz que tenha sido muito útil para você.
      Super Beijo

      Excluir
  8. Oi Ju!
    Bem legal o post.
    Novos subgêneros surgem mesmo a todo instante. Esses dias mesmo eu me deparei com um e pensei: "Eu nem sabia que isso existia!" rsrs
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Mari!
      A língua está em constante mudança. Quando aprendemos algo já está desatualizado.
      Obrigada pela visita e que bom que gostou :)

      Excluir
  9. Olá, Juliana.
    Adorei a postagem, super completa e informativa. Estou sempre na duvida sobre esse assunto hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Sil! parece simples, mas tem muita informação que confunde.
      Obrigada pela visita.
      Super Beijo :)

      Excluir
  10. Oi Juliana,
    Acho super válida essa explicação que você deu. Pouca gente conhece, achava besteira na hora de estudar isso no colégio, né?
    Parabéns pela postagem.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também achava Alessandra, confesso! rs
      pensava pra quê saber os gêneros, se leitura é leitura, mas quando me formei em Letras e fiz o blog entendi a importância de dizer os gêneros direitinho nas resenhas.
      Obrigada,
      Beijos.

      Excluir
  11. Oi, Juliana, tudo bem?
    Achei muito demais esse post. Até mesmo nós que estamos envolvidos nesse meio literários podemos confundir às vezes o que é um romance, por exemplo.
    Foi legal também diferenciar os gêneros dos subgêneros, já que assim não resta dúvidas sobre o estilo do livro.
    Aposto que deve ter sido útil durante seu curso de Letras kkkk
    Abraços! ^^

    -Ricardo, http://lapsodeleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ricardo pela visita:)
      Foi sim muito útil e ainda é. Quarta-feira tem o segundo post sobre o assunto.

      É um assunto muito extenso rs, mas vale a pena ler.

      Beijos,
      ju.

      Excluir
  12. Oie,
    Uau, tem mais divisões do que eu imaginava!
    Gostei muito do post, vou guardar para pesquisas futuras.

    Beijos,
    Juh
    Tem promoção lá no blog!!
    http://umminutoumlivro.blogspot.com.br/2016/07/promocao-3-anos-do-blog.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Juh!
      Fico feliz que este post está sendo útil.
      Obrigada pela visita :)
      Beijossss

      Excluir
  13. OMG que post interessante! Essas divisões são mais complexas do que eu me lembrava. Hahahaha Muito obrigada por ter refrescado a minha memória. Amei o post! <3
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/2016/07/resenha-do-filme-procurando-dory.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu é que agradeço Gabi seu interesse saber que foi tudo tão esclarecedor :)
      Obrigada pela visita :)
      Beijos

      Excluir
  14. Ooi Jú! Sinto sua falta na plataforma do Wp.. Contudo, seu blog está incrível por cá *.* Quanto a postagem, gostei muito! Me fez lembrar das aulas de português do Ensino Médio (bons tempos). Beijão querida, lindo dia.

    ResponderExcluir
  15. Obrigada Má!
    Realmente existem algumas diferenças grandes entre as plataformas rs.
    Que bom que gostou do blog e do post.
    Venha sempre que quiser :)
    Beijosss

    ResponderExcluir
  16. Me recordo de ter aprendido isto na escola.
    Parabéns pelo post,muito bem explicado.

    www.paginasempreto.blogspot.com.br

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma lição muito valiosa rs
      Obrigada Rafa :)

      Excluir
  17. Ah, que post valioso. Recordo-me de ter aprendido isso ano passado 'aha ;P!
    Amei, bem explicativo <3

    Beijos
    aguardandoogatobranco.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Lara :)
      Logo tem a continuação desse no blog.
      Beijos :)

      Excluir
  18. "O tanto que tenho andado no tanto que já andei, é o tanto que tá faltando no tanto que caminhei"

    ResponderExcluir
  19. Hey, ótimo post!
    Com base no que li, eu uso os subgêneros narrativos para classificar as obras que leio (embora eu não conheça muitos dos que estão aí).

    Beijos,
    Kemmy|Duas Leitoras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      Dá uma olhadinha sempre que precisar rs....
      Beijos :)

      Excluir
  20. Adorei. Bem didático e de fácil entendimento.
    Obrigado pela visita ao meu blog. Estarei sempre por aqui agora.

    https://jj-jovemjornalista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu é que agradeço a visita.
      Venha sempre que quiser :)
      Abraços,
      Juliana.

      Excluir